segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Complexo Penitenciário poderá ser construído em Imaruí (esta é a vontade do prefeito Amarildo)

O povo de Imaruí foi tomado por uma notícia preocupante no dia de hoje, 03 de outubro, em relação a intenção do prefeito Amarildo, que dê olho na contrapartida no valor de R$ 4 milhões de recursos estaduais destinados para investimentos no município, demonstrou interesse de sediar o Complexo Penitenciário em nosso município. Através do ofício 276/2011, o prefeito Amarildo colocou o município de Imaruí a disposição do governador Raimundo Colombo.
Clique na foto para ampliar


Enquanto o prefeito de Palhoça comemora que o Complexo não será construído em seu município, o prefeito de Imaruí, sem qualquer consulta, planejamento ou qualquer outra manifestação de democracia em respeito a população, deixa o município e a população numa situação bastante preocupante.
Observe a reação do prefeito de Palhoça:
Depois da manifestação oficial contrária do prefeito Ronério Heiderscheidt ao Ministro da Justiça, José Eduardo Cardoso, a Ministra de Relações Institucionais, Ideli Salvatti e ao governador do Estado, Raimundo Colombo, o complexo penitenciário que estava previsto para ser construído na Baixada do Maciambú, em Palhoça, deverá ser implantado em outro município catarinense. 
Confira notícia Aqui 
Acompanhe mais notícias Aqui

Leia o que diz Cacau Menezes em sua coluna de hoje, no Diário Catarinense:

Sorteio de presos
Município nenhum de Santa Catarina quer receber a nova penitenciária a ser construída para substituir o presídio de Florianópolis. O prefeito de Palhoça dá pulo de metro e meio quando ouve falar que o complexo pode ficar na sua cidade. Então, só tem uma solução. Colocam-se os nomes dos 293 municípios catarinenses numa urna, agita-se bem e tira-se um sortudo. Na cidade “ganhadora”, constrói-se a nova penitenciária. Há municípios tão pequenos no Estado que a população carcerária pode ser maior do que o número de habitantes.


Precisamos nos mobilizar enquanto sociedade, autoridades, povo em geral e dizer não ao prefeito Amarildo, que mais uma vez vai contra o povo imaruiense. O assunto precisa ser discutido com o povo imaruiense, e não somente ser considerado a opinião do prefeito.

12 comentários:

Rodrigo Brasiliense Vieira disse...

Eu já tinha lido essa questão da Penitenciária e não tinha acreditado. Mas se a matéria está sendo levantada no blog, acho interessante que realmente as pessoas comecem a se mobilizar porque caso contrário estaremos recebendo esse presente do Governo Estadual, pois se já tem até ofício do Prefeito Municipal no sentido de aceitar a situação é complicadíssima. Eu fui Diretor de Presídio durante três anos e conheço de perto o problema enfrentados pelos moradores das cidades onde existe Presídio (fui Diretor em Tubarão e Criciúma). Por mais se queiram falar que seria bom para o Município a construção de um Presídio em relação a emprego que pode gerar a venda do comércio, o que realmente isso traz é muito perigo porque os familiares vêm residir próximo, tem a questão das rebeliões e fugas que trazem muitos riscos à sociedade. Acho interessante os Vereadores apresentarem um documento a ser encaminhado ao Prefeito se manifestando a respeito do assunto e toda a sociedade deve se organizar para demonstrar a insatisfação sobre o assunto. A contra-partida não paga os estragos que uma obra dessa traria ao Município, conhecido por ser muito tranquilo em questão de segurança e ótimo de se viver com paz entre os moradores.

Israel/Rael-TIO GOIABINHA disse...

Um complexo penitenciário pode ser bastante complicado para uma cidade pequena e pacífica como Imaruí. Trazer a bandidagem pra cá para quê? Para os contatos da mesma virem junto?

Ideia totalmente rídicula! Poderia valer 10, 15, 20 milhões de reais: NÃO VALERIA E NEM VALERÁ À PENA!

Elina disse...

Concordo com você Rodrigo e com o Israel, precisamos nos mobilizar, todos, associações, professores, alunos, sociedade em geral e dizer NÃO ao prefeito, antes que seja tarde demais.

Jair Paulo disse...

O queremos para Imaruí são projetos que venham contribuir para o desenvolvimento do nosso município. Que tal projetos para melhorar de fato nossas estradas? Que tal o prefeito buscar melhoria para o nosso hospital? Que tal corrigir essa covardia feita na nucleação das escolas? Que tal valorizar o salários dos professores e funcionários públicos? Professores, pescadores, agricultores, comerciantes, entre outros trabalhadores desse nosso município, VEJAM O QUE O PREFEITO QUER FAZER, VEJAM A PRIORIDADE DESTA ADMINISTRAÇÃO. Não é o bem estar da população a prioridade, SÃO OS INTERESSES POLÏTICOS. Até quando meu Deus nós vamos ter que conviver com políticos de visões ultrapassadas. Seu prefeito, vamos simplificar, se os outros não querem, é porque tem algo errado, se tem algo errado nós também não queremos. VAMOS USAR DA LÓGICA. PENITENCIÄRIA NÃO, trazer bandidos de fora porquê?... chega o que temos aqui.

DjCelê disse...

Que loucura esta idéia, ai sim imarui perderia tudo, já é a pequena joia do litoral, iria perder a joia tambem e ficaria sé pequena, ta loco reprovo esta idéia, vlw

Maria Aparecida disse...

É um absurdo querer trazer um complexo penitenciário para Imaruí.A administração pública devia se preocupar em trazer benefícios para o município, como emprego, saúde,educação, enfim, melhorias e não uma penitenciária.A população imaruiense anseia por avanços e não retrocessos!Temos direito a SEGURANÇA e NÃO INSEGURANÇA!!!

KETTY disse...

Nossa realidade em SC, informo VAGAS E LOTAÇÃO: Região 1 com vagas para 2.810 presos, atualmente com 3.924 detentos alocados. Região 2 com vagas para 961, atualmente com 2.156. Região 3 com vagas para 1.462 presos, atualmente com 3.003. Região 4 com vagas para 1.607 presos, atualmente com 2.160. Região 5 com vagas para 1.366 presos, atualmente com 2.546. Região 6 com vagas para 984 presos, atualmente com 1.984. ASSIM, SÃO 9.118 VAGAS PARA 13.982 PRESOS NAS UNIDADES DO ESTADO SC. E ainda, INTERDIÇÕES DAS UNIDADES PRISIONAIS de Joinville, São Francisco do Sul, Mafra, Canoinhas, Barra Velha, Itajaí, Blumenau, Balneário Camboriú, São Joaquim, Joaçaba. DESSE MODO, O SITEMA PENITENCIÁRIO DE SC esta vivenciando grandes problemas, UMA DELAS SÃO AS CONSTANTES FUGAS E REBELIÕES EM TODAS AS UNIDADES, o que por conseguinte faz os Municípios se afastarem da idéia da Construção de uma Unidade, tendo em vista a falta de estrutura bem como a falta de apoio pelos governantes após as instalações. DIANTE DA REALIDADE PRISIONAL QUE VIVENCIO DIARIAMENTE, por trabalhar na assessoria da Execução Penal do Departamento de Administração Penal do Estado, SOU CONTRA A CONSTRUÇÃO NA COMARCA DE IMARUÍ. OBS.: D. Elina fico a disposição.

Sheronh Keily disse...

O cara é fera mesmo... Fechou escolas e agora dispõe o município para que seja feito um presídio!!!!

Anônimo disse...

Coisas boas, não são feitas... Porque, não criar um projeto para implantar uma biblioteca pública de qualidade? Não, senhor prefeito! Presídio em Imaruí? ERA SÓ QUE FALTAVA!!!!

Christian Pacheco disse...

Se o foco é melhorar a qualidade da geração de emprego e renda, que tal investimentos na intensificação do controle de produtos e serviços gerados no munícipio, tais como a industria madeireira e a rizicultura?
E, até mesmo, a criação de um plano de atração de empresas com convênios de redução tributária, conforme realizou o prefeito de Palhoça. Mão de obra e spaço físico temos e muito interessantes. Falta apenas vontade de trabalhar. Fica a Dica.

Christian Pacheco disse...

Se o foco é melhorar a qualidade da geração de emprego e renda, que tal investimentos na intensificação do controle de produtos e serviços gerados no munícipio, tais como a industria madeireira e a rizicultura?
E, até mesmo, a criação de um plano de atração de empresas com convênios de redução tributária, conforme realizou o prefeito de Palhoça. Mão de obra e spaço físico temos e muito interessantes. Falta apenas vontade de trabalhar. Fica a Dica.

Anônimo disse...

acho que todos estão equivocados pois quem conheçe o novo sistema penitenciario no estado não escreveria essa coisas além de gerar mutos empregos é uma segurança total aos moradores vizinhos